Arquivo de Março, 2017

ADFA NO BTT EM SINTRA

0

A ADFA no 1º Evento de OriBTT, em Janas – Sintra

Boa a prestação dos atletas da ADFA – Associação de Deficientes das Forças Armadas Delegação de Évora, no primeiro evento da Taça de Portugal de Orientação em BTT.

Sub a alçada da Federação Portuguesa de Orientação e organização do CPOC – Clube Português de Orientação e Corrida, contando com o apoio da Câmara Municipal de Sintra, realizou-se no passado fim de semana, 11 e 12 de março em Janas, uma pequena e pacata aldeia situada na freguesia de S. Martinho, à beira do Parque Natural Sintra, o VIII Troféu Ori-BTT do CPOC.

Com um tempo satisfatório para a prática de BTT, não fora o vento a dificultar a prestação dos atletas, e um mapa que permitia a escolha de bons trilhos, contando com cerca de centena e meia de atletas federados a equipa da ADFA, constituída por sete atletas, logrou alcançar brilhantes resultados individuais, nos dois dias de prova, pois cinco, obtiveram lugares de pódio.

Maria Sá, mesmo lesionada, consegui o 4º lugar em DE

Sandra Rodrigues, 1º lugar em D21A

Jorge Mendes, 3º lugar em H40

Eduardo Sebastião, 2º em H50

Jorge Artur, 1º lugar em H60

O próximo evento desta modalidade será nos dias 1 e 2 de abril, em Santa Cruz (Santiago do Cacém), no Campeonato Ibérico Feminino O-BTT, na III Costa Alentejana MTBO Trophy, prova da Liga Nacional, Campeonato Ibérico Feminino e, World Master Series e MTBO World Ranking Evento. Boa recuperação para os lesionados, até lá.

ADFA PRESENTE EM AGUIAR DA BEIRA

0

A ADFA no Meeting de Aguiar da Beira 2017

Ainda os 36 atletas da ADFA – Associação de Deficientes das Forças Armadas Delegação de Évora, não tinham recuperado dos 4 dias de provas no POM, já estavam a competir e desta vez em Aguiar da Beira no ABOM – Aguiar da Beira “O” Meeting 2017, que decorreu no centro do Pais no distrito da Guarda.

Sob a alçada da Federação Portuguesa de Orientação – FPO e cuja organização coube ao Clube de Orientação de Estarreja, com o apoio da Câmara Municipal de Aguiar da Beira, o evento completou o ciclo de três provas internacionais, com etapas integradas, no Ranking Mundial da Federação Internacional de Orientação (IOF WRE) e onde marcaram presença cerca de 750 concorrentes oriundos de 21 países.

Em condições climatéricas adversas, num mapa com muitos detalhes rochosos onde houve momentos em que o terreno ficou completamente branco, provocado pela queda de neve, o que provocou que muitos dos atletas não completaram seus percursos, devido às dificuldades técnico/física, a nossa equipa conseguiu mesmo assim excelentes resultados, alcançando o 2º lugar por equipas e colocando cinco dos seus atletas no pódio.

De relevar que esta participação só foi possível com o apoio da Câmara Municipal de Évora, que nos cedeu um autocarro para que a nossa equipa se pudesse deslocar.

ADFA NO POM 2017

0

Atletas da Associação de Deficientes das Forças Armadas, Delegação de Évora (ADFA), foram os únicos Portugueses que subiram ao pódio, no Portugal “O” Meeting 2017.

O Portugal “O” Meeting 2017, vai na 22ª edição e é a segunda das três provas internacionais de Orientação pedestre, que integram o Ranking Mundial da Federação Internacional de Orientação (IOF WRE) e o ranking da Taça de Portugal Vitalis, da Federação Portuguesa de Orientação.

O POM – Portugal “O” Meeting é considerada a prova rainha, da orientação pedestre, do calendário de inverno, que junta todos os anos em Portugal e durante 4 dias, as principais equipas e a grande maioria das estrelas da elite mundial a destacar Gustav Bergman e Albin Ridefelt (Suécia), Lucas Basset e Thierry Gueorgiou (França), Baptiste Rollier (Suíça) e Milos Nykodym (República Checa), assim como um enorme número de jovens e veteranos que procuram o bom tempo e bons percurso.

O palco escolhido, para o POM, foi o Alto Alentejo, e as provas decorreram em três concelhos vizinhos, Portalegre, Alter do Chão e Crato.

A organização esteve a cargo do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos que teve um desempenho notável, oferecendo mapas e percursos de alto recorte técnico em terrenos de sonho, ao encontro das expectativas dos mais de 2.400 participantes oriundos de 36 países.

Thierry Gueorgiou e Simone Niggli foram os grandes vencedores do Portugal O’ Meeting 2017. Repetindo o feito de anos anteriores – foi a sétima vitória de Niggli na prova portuguesa contra seis triunfos de Gueorgiou -, ambos fizeram alarde duma invejável qualidade técnica e condição física, mostrando o porquê de serem os melhores atletas mundiais de sempre nesta desafiante modalidade.

Destacar as prestações portuguesas, onde dois atletas da ADFA, Marco Póvoa e Ricardo Esteves, ambos em 3º lugar, obtiveram lugar de pódio e a nossa equipa foi 2ª classificada, atrás de uma muito forte equipa Finlandesa.

 

Voltar ao Topo