Arquivo de Maio, 2017

ADFA EM ABRANTES

0

Numa organização conjunta do COA (Clube de Orientação de Abrantes) e do CLAC (Clube de Lazer Aventura e Competição), disputaram-se no fim de semana de 20/21 de maio os campeonatos nacionais de sprint e distância longa.

Para o campeonato de sprint. a organização escolheu a bonita Vila de Constância, com as suas ruas, escadas e vielas a beijar o rio Tejo e constituindo um grande desafio para todos os participantes.

O facto de este campeonato se realizar em duas mangas muito espaçadas entre si, não foi muito do agrado da maioria dos participantes.

A ADFA consegui 4 títulos colectivos de campeão nacional e fez subir ao pódio individual 12 dos seus atletas a saber:

Campeões colectivos:

H16 – Tiago Lampreia; Diogo Lampreia e João Pinto

D16 – Joana Branco; Maria do Mar e Catarina Pereira

H20 – Bernardo Pereira; Vasco Duarte e Hugo Glórias

Vet M III – Mário Duarte; Luís Sousa e João Barrulas

Campeões Individuais:

Tiago Lampreia – 1º H16

Pedro Moniz – 1º H18

Filipa Rodrigues – 1ª DE

Jorge Correia – 1º H40

Outros atleta que subiram ao pódio:

João Pinto e Diogo lampreia; 2º e 3º em H16

Joana Branco – 3ª D16

Bernardo Pereira – 3º H20

Margarida Ricardo – 3ª D21B

Alexandre Reis – 3º H45

Armando Sousa – 2º H50

Mário Duarte – 2º H55

O campeonato de distância longa foi disputado no mapa de S. Facundo, num terreno que alternava zonas de eucalipto e de sobreiro com zonas que apresentavam muita vegetação rasteira de tojo e silvas que dificultavam bastante a progressão dos atletas. A acrescentar a este facto havia o declive bastante acentuado que levou a que os tempos realizados nalguns escalões fossem muito superiores aos recomendados para este tipo de distância.

A ADFA consegui nesta distância 6 títulos de campeão colectivo e viu subir ao pódio 14 dos seus atletas:

Campeões colectivos:

H16 – Tiago Lampreia; Diogo Lampreia e João Pinto

D16 – Joana Branco; Maria do Mar e Catarina Pereira

H20 – Bernardo Pereira; Vasco Duarte e Hugo Glórias

Vet M I – Jorge Correia; Marco Póvoa e Jorge Mendes

Vet M II – Francis Cordeiro; Alexandre Reis e Sérgio Santos

Vet M III – Mário Duarte; Luís Sousa e João Barrulas

Campeões Individuais:

Joana Branco – 1ª D16

Carolina Caroço – 1ª D20

 

Jorge Correia – 1º H40

Francisco Cordeiro – 1º H50

Outros atleta que subiram ao pódio:

Diogo lampreia; 2º H16

Bernardo Pereira – 2º H20

Mariana Jorge – 2ª D20

Filipa Rodrigues – 2ª DE

Margarida Ricardo – 3ª D21B

Marco Póvoa – 2º H35

Alexandre Reis – 3º H45

Sérgio Santos – 2º H50

Armando Sousa – 3º H50

Mário Duarte – 2º H55

De referir que nestes campeonatos tivemos a ausência de 2 dos nossos atletas que à partida seriam potenciais campeões nos seus escalões (seniores mas. e juniores mas.), Pedro Nogueira e Ricardo Esteves, que se encontravam em Itália em representação das cores nacionais na XXIII edição da Taça dos Países latinos.

Temos de relevar igualmente o transporte que nos foi disponibilizado pela unidade militar aqui sediada, sem o qual seria muito difícil a nossa participação nestes campeonatos

 

ADFA em Ançã

0

A ADFA em Ançã no Campeonato Nacional de Distancia Média de Ori-BTT

A Associação de Deficientes das Forças Armadas Delegação de Évora (ADFA) deslocou-se, no fim-de-semana de 29 e 30 de abril, ao concelho de Cantanhede, mais propriamente à vila de Ançã para disputar o Campeonato Nacional de Distancia Média de Ori-BTT, integrado no “Ori-BTT de Ançã”.

Tratou-se da 3ª prova da época, integrada no Campeonato Nacional da disciplina,  com organização conjunta da Federação Portuguesa de Orientação (FPO), da Associação Desportiva do Mondego (ADM – ORI Mondego) e da Junta de Freguesia de Ançã.

No primeiro dia, com condições atmosféricas a convidar a altos andamentos e num mapa em que o declive era pouco acidentado, mas que exigia grande concentração aos atletas, disputaram-se os Campeonatos Nacionais de Distancia Média.

Com a participação de cerca de 100 atletas, sendo 9 atletas da ADFA, estes fizeram chegar o nome do clube ao lugar bem alto do pódio, quer individualmente quer em equipa.

Sagraram-se Campeões Nacionais:

Marco Povoa, campeão nacional no escalão H40

Eduardo Sebastião em H50, com um pódio totalmente da ADFA, José Silva 2º e Luís Sousa em 3º

Jorge Artur campeão nacional no escalão H60

Na classificação colectiva do CN a ADFA, recebeu o prémio de clube campeão nacional na categoria de H50, com Eduardo Sebastião, José Silva e Luís Sousa.

Na classificação do “Ori-BTT Ançã”, mais uma vez os atletas da ADFA subiram ao pódio, com Sandra Rodrigues a vencer, em D2A, Eduardo Sebastião, em H50 e Jorge Artur em H60.

A próxima prova vai ser em Braga a 27 e 28 de Maio onde estará em jogo o campeonato nacional de Sprint.

Voltar ao Topo